quinta-feira, março 24, 2011

Olhares



Ficaram se olhando.
Completamente dourados, olhos úmidos.
Seria a brisa?
Verão pleno solto lá fora.
Bem perto dela, ele perguntou:
- O quê?
Ela disse:
- Sim.
Puxou-o pela cintura, ainda mais perto.
Ele disse:
- Você parece mel.
Ela disse:
- E você, um girassol.
Estenderam as mãos um para o outro.
No gesto exato de quem vai colher um fruto completamente maduro.

Caio F. Abreu

9 Lembranças:

Malu disse...

Oi , amiga !


Que texto lindo do Caio você escolheu ...
Mel e Girassol , pura luz .
:)


Bjo Grande.

нєllєи Cαяoliиє disse...

Ahh,o fruto de um eterno apaixonar! *-*
Lindoo Flor!
Beijo e uma linda Noite pra ti.

Mariz disse...

Querida amiga,

Quisera tb ter um amor assim, com dengos, carinhos, afagos e beijos...

Poesia linda demais!


mil beijos!

José disse...

Maduro e doce, como o mel, ou ainda mais.

beijinho,
José.

Patricia s2 disse...

lindo.
Puro e leve, deixou um sorriso leve em meus lábios com força pra viver mais um dia pra lutar por meus sonhos.
bjs linda

Swingers Veronika e Cláudio disse...

Tem meme pra vc!!!
Beijos, linda!!!

valeria soares disse...

Lindo demais!
Excelente final de semana p/vc.

Mariz disse...

Bom diaaaa,


http://ostra-da-poesia.blogspot.com/

Este é o blog q estou participando poeticamente com um de meus escritos, a poesia é a QUINTA e seu nome é " VERSOS PARA TE DAR", vou precisar de coments e se for possível gostaria q vc deixasse um carinho lá.

Agradeço...mil beijos e sábado lindo prá vc!

Nilson Barcelli disse...

Belo poema.
Gostei, querida amiga.
Desejo-te um bom fim de semana.
Beijos.